Quando devemos trocar os pneus!

Os sulcos de seus pneus nunca devem estar abaixo de 1,6 mm de profundidade.
Se você costuma dirigir regularmente em superfícies molhadas e escorregadias, é preciso ter o dobro de cuidado.

Você pode comprar uma bitola para medir a profundidade dos sulcos exatamente como faria um profissional da área, mas há também um velho truque que pode lhe dar uma ideia aproximada da profundidade que você ainda tem e que não custará nada.

Na verdade você precisará de uma moeda. Isso mesmo. Insira uma moeda de R$1,00 entre os blocos dos sulcos. Se a parte dourada ficar coberta é sinal de que a profundidade é suficiente. Caso contrário é hora de começar a procurar por novos pneus.

Christopher Lampton – traduzido por HowStuffWorks Brasil

 

 Para que serve o balanceamento dos pneus?

O balanceamento é necessário para suprimir trepidações que possam ocorrer no guidão da moto. Além disto, quando há desbalanceamento, a direção torna-se instável e ocorre um desgaste irregular dos pneus.

Sinais que indicam pneus desbalanceados

A maneira mais comum de perceber um veículo com pneus desbalanceados é quando o motorista sente trepidação no volante – ou às vezes vibrações no veículo todo – ao alcançar velocidade média de 60km/h.

Porém, quando os pneus do eixo trativo e dos eixos auxiliares está desbalanceado, é mais difícil perceber as vibrações.
Por este motivo é necessário balancear todas as rodas com frequência.

Quando o balanceamento deve ser feito?

Sempre que houver substituição de pneus;

Sempre que for efetuado conserto em pneus ou câmaras;

Por ocasião de vibrações no volante ou guidão;

Sempre que houver substituição de elementos do conjunto rodante – por exemplo: pastilhas de freios, rolamento da roda, peças da suspensão, etc;

Para conjuntos de bicicletas ou motocicletas que tenham rodas com raios. Neste caso, verifique periodicamente a tensão e o estados deles;

A cada 10 mil quilômetros rodados.

Fonte: Michelin

 

Ronaldo Cechella
Hangar 44 Motos